Notícias
by Marcia Oliveira on 21 de setembro de 2020

Ação especulativa: o que é, e qual é sua finalidade

É muito provável que você já tenha escutado ou lido alguma notícia sobre uma ação especulativa. O capital especulativo pode ser considerado como um tipo de investimento, cujo objetivo é lucrar de uma forma rápida. A maiorias dos profissionais que operam no setor financeiro concordam que o capital especulativo não gera nenhum tipo de lucro real para a economia ou o mercado financeiro, já que tais ganhos não têm origem em um trabalho propriamente dito ou na produção de algo, por exemplo. O lucro na atividade especulativa sempre virá da compra ou da venda de um determinado ativo, como por exemplo moedas estrangeiras, commodities e etc. Para entendermos melhor o que é uma ação especulativa, vamos para o explicação a seguir.

Definição de ação especulativa

Como mencionamos de uma breve na introdução deste presente artigo, uma ação especulativa não gera lucro derivado de uma produção. Portanto um investimento neste perfil não promove empregos, por exemplo, não fomenta a compra de materiais e máquinas para o fim de produção, além de não interferir nos níveis de oferta e procura na indústria como um todo. Ou seja, não é um investimento que promove o crescimento econômico ou o desenvolvimento do mercado, ao contrário, não causa efeito algum.

Ação especulativa: o que é, e qual é sua finalidadePor conta desses fatos, existe muito crítica sobre este tipo de capital, já que o mesmo não contribui para a movimentação crescente do setor econômico de um país. O ato de especular no mercado financeiro remete a uma operação destinada a obter o máximo de ganho em atividades comerciais ou financeiras, principalmente tentando obter um lucro da variação de preço esperada em comparação com o preço de compra da bolsa de valores. Então, podemos entender que o principal objetivo de uma ação para especular é obter lucro rápido. E de fato, hoje todos podem fazer investimentos especulativos de maneira simples e segura.

Entendendo como as ações e o mercado especulativo funciona

O “especular” (por sua vez de “espelho”)  significa “inteligência”, “perspicácia”. Em alguns casos o termo especulação financeira geralmente tem um significado bastante negativo: geralmente o especulador é visto como uma pessoa má que aproveita as dificuldades dos outros para enriquecer facilmente. Mas a atividade é utilizada em diversas área, não somente no setor financeiro. Uma das áreas que mais especula é apolítica. Em economia, então, a especulação é o empreendimento – com investigação cognitiva cuidadosa e precisa, para analisar bem situações e oportunidades, é  uma atividade cuja finalidade primordial é o ganho rápido (com meios legítimos ou não).

Mas, a visão negativa sobre as ações especulativas devem ser desmistificadas, já que a especulação é, de fato, um elemento importante dos mercados financeiros, indispensável para garantir o nível necessário de liquidez. A especulação, não poderia ser desencadeada se não houvesse responsabilidades estruturais, políticas, econômicas ou administrativas. Um especulador profissional agirá da forma correta e seguirá as regras. O caminho ilícito nunca deve ser uma opção a considerar. Já que o melhor caminho sempre será aquele que apresenta menos riscos, portanto, que é mais seguro. Pois do que adianta ter chances altas de conseguir lucrar, se os riscos estão “na porta” e podem lhe alcançar a qualquer momento. Um investidor especulativo experiente entende o valor do equilíbrio entre a busca pelo lucro e a administração dos riscos financeiros.

Benefícios do mercado especulativo

Embora as ações especulativas não promovem nenhum tipo de crescimento econômico para um país, em razão de não ter origem em uma produção, elas podem trazer diversos benefícios para os investidores especulativos. Mas sem sombra de dúvidas, as vantagens principais estão diretamente relacionadas a velocidade em que o lucro pode ser gerado,e a necessidade de um capital relativamente baixo comparado aos lucros potenciais. Mas como se dá de fato a especulação? A atividade é relativamente simples, (embora exija conhecimento acurado dos operadores) e ocorre basicamente da seguinte forma: aqueles que especulam sobre o mercado de ações podem comprar uma ação quando ela é barata e vendê-la quando seu preço aumenta.

Muitos investidores especializam-se em especular .Se um negociante também aplica uma boa alavancagem, seus lucros podem crescer ainda mais, obviamente os seus riscos também. Por isso, embora o processo de especular seja relativamente simples, exige conhecimento profundo e experiência específica por parte dos operadores financeiros. Um dado interessante é que  é possível fazer investimentos especulativos online, ou seja, sem ter que sair de casa, com diversos ativos financeiros, seja através das ações, matérias-primas, moedas e criptomoedas. E o mercado Forex neste caso é record em lucro rápido e em grande volume, já que atualmente é o mercado que mais lucra em todo o mundo, gerando cerca de 1 trilhão de dólares todos os anos. Ou seja, se seu objetivo é um lucro rápido, as ações especulativas podem ser uma ótima opção, levando em consideração óbviamnete os altos riscos também envolvidos.

By Marcia Oliveira

More content by Marcia Oliveira

Comments (0 comment(s))